Topo
pesquisar

Redação do ENEM: propostas de intervenção

Redação

O Enem procura candidatos que demonstrem cidadania, criando propostas de intervenção para os problemas apresentados.
PUBLICIDADE

Para conseguir êxito na redação do ENEM é preciso ter em mente o que a banca espera do candidato. Ao analisar as provas desse concurso, fica claro que o que será avaliado é a capacidade de selecionar, relacionar, organizar e interpretar as questões e a proposta de redação. Além disso, o candidato deverá demonstrar domínio das linguagens, capacidade de solucionar problemas, de compreender fenômenos e de elaborar propostas de intervenção para o problema abordado. A prova de redação sintetiza todos esses eixos cognitivos, no entanto, focalizaremos no último item: elaboração de propostas de intervenção.

Quando pensamos na elaboração de propostas, precisamos entender que só consegue cumprir essa tarefa um sujeito agente e crítico, um leitor competente, quem sabe o que faz e por que faz.

A aprendizagem não acontece somente na escola, mas é um conjunto de fatores que unidos fazem com que um indivíduo seja completo, tais como família, meio ambiente, amigos, meios de comunicação, viagens etc. Então, no momento da escrita, todos esses conhecimentos devem ser aplicados.

Todo texto argumentativo possui uma tese (ideia a ser defendida), e a proposta de intervenção precisa ser coerente com ela. Então, se durante todo o texto, alguém defende que a tecnologia não é boa para a aprendizagem, não pode chegar ao final e propor como intervenção para a melhoria da educação a informatização das escolas. Por isso, é preciso “amarrar” bem as ideias, voltar à tese e reler o texto para que não haja incoerência.  

É importante também propor soluções que sejam possíveis de serem executadas e, além disso, é fundamental que os passos para sua execução sejam apresentados. Portanto, não basta simplesmente propor o respeito à natureza, mas é preciso indicar como fazer, por exemplo, propor a criação de campanhas de conscientização nas escolas, nos parques; incentivo ao transporte público (para diminuir a poluição), criação de ciclovias etc.

Outro fator importante é ter em mente que os direitos humanos precisam ser respeitados sempre, portanto, preserve a liberdade e respeite a diversidade cultural, lembre-se de que o fato de ser diferente não indica que é melhor ou pior, por isso, é preciso respeitar. Demonstre cidadania e solidariedade em seus posicionamentos, não se esqueça de que ao mesmo tempo em que o cidadão possui direitos, também tem deveres, logo, analise e posicione-se considerando isso.  

Por fim, ao elaborar as propostas de intervenção, procure fazer de forma clara e inovadora, com argumentos que se relacionam à tese e com propostas que sejam coerentes com ambas. Lembre-se de que, para alcançar a nota máxima, é preciso que tudo esteja relacionado: tese, argumentos e propostas de intervenção.


Por Mayra Pavan
Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PAVAN, Mayra Gabriella De Rezende. "Redação do ENEM: propostas de intervenção"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/redacao/redacao-enem-propostas-intervencao.htm>. Acesso em 30 de agosto de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA