Topo
pesquisar

Nomenclatura de cadeias ramificadas

Química

PUBLICIDADE

Nomear cadeias ramificadas é um processo que requer muita atenção, principalmente no que diz respeito à ordem numérica dos carbonos da cadeia principal.

Acompanhe as regras estabelecidas pela União Internacional de Química pura e aplicada (IUPAC) para esta tarefa:

REGRA 1: Determine a cadeia principal (maior sequência de átomos de carbono) e seu nome.
Se precisar consulte em: Nomenclatura de alcanos

REGRA 2: Identifique as ramificações e dê nomes a elas.

Nomenclatura das ramificações em: Ramificações de hidrocarbonetos 

REGRA 3: Comece a numerar a cadeia principal da extremidade que contém o grupo orgânico substituinte (ramificação) mais próximo.

Exemplos: Nomear corretamente as seguintes cadeias ramificadas:





REGRA 1: A cadeia principal está em destaque e sua nomenclatura é Butano.

REGRA 2: A ramificação presente é CH3 (metil).

REGRA 3: A numeração da cadeia principal é feita da extremidade que contém a ramificação mais próxima, neste caso começamos da direita para a esquerda.

A nomenclatura oficial para o composto acima é: 2 – metilbutano.

Agora uma cadeia um pouco maior!



Determine a cadeia principal e seu nome: a cadeia principal corresponde ao Hexano (cadeia linear com seis carbonos), mas a presença da ramificação dá um novo nome ao composto. A Regra 3 diz que devemos começar a numerar da extremidade que contém a ramificação mais próxima, sendo assim, a nomenclatura final para o composto será 3 – metil hexano.

DICA: A extremidade na qual se deve iniciar a numeração é aquela em que se obtém o menor algarismo indicando as posições dos grupos. No caso acima, se numerarmos a cadeia principal em outro sentido (da esquerda para a direita), teríamos 4 - metil hexano, esta forma está incorreta, uma vez que entre os algarismos 3 e 4 devemos optar pelo 3(menor), obedecendo à Regra 3. 

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!
Ramificações de Hidrocarbonetos


Propriedades dos compostos orgânicos

Química Orgânica - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves De. "Nomenclatura de cadeias ramificadas"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/quimica/nomenclatura-cadeias-ramificadas.htm>. Acesso em 30 de setembro de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA