Topo
pesquisar

Equilíbrio químico

Química

PUBLICIDADE

As reações químicas podem ocorrer de várias maneiras, em alguns casos elas ocorrem de forma completa, ou seja, os reagentes são consumidos durante o processo. Por exemplo, quando queimamos uma folha de papel essa passa a não existir mais, de forma que é impossível recuperar sua forma original. Esse tipo de reação se classifica como irreversível.

Em contrapartida, existem as reações reversíveis, onde os produtos podem se converter à forma inicial, elas podem ocorrer em processos químicos e físicos e são identificadas pela seta dupla:


Se você colocar água líquida em um recipiente fechado vai ter uma reação reversível através da equação:

H2O (l)  H2O (v)

As moléculas de água no estado líquido passam para o estado de vapor continuamente, e ao mesmo tempo a água evaporada retorna para o estado inicial (líquido). Quando a velocidade de vaporização se iguala à de condensação, o sistema entra em equilíbrio.

A quantidade de espécies participantes não precisa ser igual em uma reação para esta atingir o equilíbrio, basta que se mantenham constantes. Assim sendo, não importa a quantidade de água líquida e vapor, o importante é que o recipiente se mantenha fechado para que as moléculas não escapem para o meio externo.

O Equilíbrio químico em uma reação surge desta propriedade, a de manter os reagentes numa constante transformação.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!

Equilíbrio iônico da água
Equilíbrio térmico

Soluções - Físico-Química - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves De. "Equilíbrio químico"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/quimica/equilibrio-quimico.htm>. Acesso em 06 de maio de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA