Topo
pesquisar

Classificação dos óxidos

Química

PUBLICIDADE
Os óxidos são compostos binários formados pela combinação de dois elementos, sendo um deles oxigênio.

Veja como os óxidos se classificam em função do seu comportamento na presença de outros elementos:

Óxidos neutros: eles não reagem com água, ácido ou base, são covalentes, ou seja, sua composição é de ametais. Exemplo: monóxido de carbono (CO).

Óxidos básicos: o metal presente em sua fórmula, geralmente apresenta “carga elétrica” +1 e +2, ou seja, possuem caráter iônico.
Exemplos: Na2O (Óxido de sódio), BaO (Óxido de bário).

Óxidos ácidos: são formados por ametais e apresentam caráter covalente. Na presença de água produzem ácidos e na presença de bases originam sal e água. Exemplo: SO2 (óxido de enxofre).

Óxidos duplos ou mistos: originados da junção de dois óxidos de um mesmo elemento. Exemplo: magnetita (Fe3O4). Aplicação: ímã natural.

Óxidos anfóteros: apresentam ambiguidade, na presença de um ácido se comportam como óxidos básicos, e na presença de uma base como óxidos ácidos. Exemplo: óxido de zinco (ZnO).

Peróxidos: compostos que possuem em sua fórmula o grupo (O2)2- . Exemplos: Água oxigenada (H2O2) e Peróxido de sódio (Na2O2). Aplicação: são usados na indústria como alvejantes para clarificar tecidos e polpa de celulose (confecção de papel).

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!

Propriedades dos Óxidos

Óxidos e meio ambiente

Química Inorgânica - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves De. "Classificação dos óxidos"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/quimica/classificacao-dos-oxidos.htm>. Acesso em 31 de maio de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA