Topo
pesquisar

Letras maiúsculas e minúsculas – circunstâncias em que se manifestam

Gramática

PUBLICIDADE

Comumente ouvimos esta ou aquela pessoa atribuir um conceito deturpado à Língua Portuguesa. Tal fato ocorre porque para muitos ela é um instrumento de estigma, mediante as tantas regras, às possíveis exceções, entre outros fatores, que dela fazem parte.

O fato é que tais aspectos, uma vez analisados de forma criteriosa, permitem-nos chegar à conclusão de que o português, considerado uma língua oficial e ora disponível a seus tantos usuários, necessita estar condicionado a um sistema tido como convencional – é claro que estamos nos referindo ao âmbito da escrita–, pois, caso fosse aleatório, poderíamos dar a ele as características que bem entendêssemos. Dessa forma, ele não configuraria jamais como algo padronizado, comum a todos nós.

Assim, munidos dessa percepção, entre os muitos requisitos inerentes à modalidade em referência (escrita), configura um de singular importância – a ortografia. E, assim, com base nessa premissa, é que o artigo em questão tem por finalidade abordar acerca do uso das letras maiúsculas e minúsculas que, via de regra, está condicionado a circunstâncias específicas. Nesse sentido, verifiquemos em quais circunstâncias devemos empregá-las:


Letras maiúsculas:


Letras minúsculas:

 

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras
Equipe Brasil Escola

Gramática - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DUARTE, Vânia Maria Do Nascimento. "Letras maiúsculas e minúsculas – circunstâncias em que se manifestam "; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/gramatica/letras-maiusculas-minusculas-circunstancias-que-se.htm>. Acesso em 26 de setembro de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA