Topo
pesquisar

O Princípio de Funcionamento de uma Usina Hidrelétrica

Física

PUBLICIDADE

A presença de energia elétrica em nossas vidas é gigantesca. Geladeira, liquidificador, televisão, ferro de passar roupas... e outros, são dispositivos que funcionam utilizando dessa forma de energia.

A energia elétrica que chega até nós é gerada em usinas hidrelétricas; assim diz a linguagem usual, sendo que na verdade ela é resultado de um processo de conversão de energia potencial em energia elétrica.

A água que se encontra represada armazena energia potencial, ao abrir as compotas da usina, a energia potencial da água vai sendo convertida em energia cinética à medida que ela vai escoando pelos dutos. Ao entrar em contato com as turbinas, as mesmas começam a girar dando origem à força eletromotriz induzida, processo este que consiste na conversão da energia cinética das turbinas em energia elétrica, pois em razão da fem (força eletromotriz) será estabelecida uma corrente elétrica entre dois pontos (exemplo: usina-residência). Ver figura 1.


Figura 1
Projeto simples de uma usina hidrelétrica

Vemos então que a energia que chega até nós não é resultado de um processo de geração e sim de conversão.

Por Frederico Borges de Almeida
Graduado em Física

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ALMEIDA, Frederico Borges De. "O Princípio de Funcionamento de uma Usina Hidrelétrica "; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/fisica/o-principio-funcionamento-uma-usina-hidreletrica.htm>. Acesso em 27 de julho de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA