Topo
pesquisar

Construção de Imagens Produzidas por Lentes

Física

PUBLICIDADE

Para localizarmos graficamente as imagens formadas a partir de uma lente, usaremos a combinação de três raios ‘mágicos’.

1. Um raio paralelo ao eixo central, que depois de refratado pela lente passa pelo ponto focal F’.
2. Um raio que passa pelo ponto focal F e depois de refratado se torna paralelo ao eixo central.
3. Um raio que passa pelo centro da lente, emerge da lente sem mudar de direção, pois atravessa uma região em que os dois lados são praticamente paralelos.

A imagem do ponto fica na interseção de dois raios escolhidos. Para determinar a imagem do objeto completo, basta encontrar a localização de dois ou mais dos seus pontos.

As equações das lentes esféricas são:

Equação de Gauss:

Equação do aumento linear transversal


Exemplo:

Um objeto real de 30 cm de altura é colocado a 24 cm de uma lente convergente de distância focal f = 6 cm. Determine a posição da imagem, a altura da imagem e o aumento linear transversal.

Para facilitar a resolução do problema, esboce uma figura utilizando os raios mágicos para formar a imagem:



Retire os dados do problema:
Dados: p = 24cm
O = 30 cm
f = 6 cm

Assim, utilizando a equação de Gauss temos:


Onde p’ é a posição da imagem.

Para encontrarmos a altura da imagem, utilizaremos a equação do aumento linear transversal.


O aumento linear da imagem é:

Por Kleber Cavalcante
Graduado em Física
Equipe Brasil Escola

Óptica - Física - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

CAVALCANTE, Kleber G. "Construção de Imagens Produzidas por Lentes"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/fisica/construcao-imagens-produzidas-por-lentes.htm>. Acesso em 26 de agosto de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA