Topo
pesquisar

Hepatite D

Doenças e patologias

O vírus da hepatite D atua em nosso organismo em conjunto com o vírus da hepatite B, pois ele é incompleto e precisa dos antígenos que compõem o vírus da hepatite B para se replicar. As formas de transmissão e de prevenção são iguais às da hepatite B.
Hepatite, uma doença silenciosa
Hepatite, uma doença silenciosa
PUBLICIDADE

Também conhecida como hepatite delta, a hepatite D é uma doença viral, contagiosa, e precisa do vírus da hepatite B para que ocorra a infecção, pois o vírus da hepatite D é incompleto e necessita dos antígenos de superfície HBsAg encontrados no vírus da hepatite B para se replicar. As formas de contaminação dessa doença são as mesmas da hepatite B.

  • Relações sexuais sem camisinha;
  • Uso comum de objetos pessoais, como escova de dente, aparelho de depilar ou barbear, alicates de unha, seringas;
  • Transfusão de sangue;
  • Transmissão de mãe para filho;
  • Aleitamento materno.

Os sintomas da hepatite D são náuseas, vertigens, febre, dor abdominal, vômitos, fadiga, icterícia (pele e olhos amarelados), urina de cor escura e fezes de cor clara.

Quando a pessoa é infectada pelo vírus B e D ao mesmo tempo, a manifestação da doença se dá como a da hepatite B aguda. A bebida alcoólica deve ser suspensa durante 1 ano, e não há tratamento específico, apenas repouso, alimentação leve e remédios para combater os sintomas da doença.

Às vezes a pessoa já tem em seu organismo o vírus da hepatite B e após um tempo adquire a hepatite D. Nesses casos, a doença se torna grave e a pessoa infectada pode ter danos severos no fígado, podendo sofrer cirrose. A pessoa infectada deve procurar um médico especializado que prescreverá o tratamento adequado.

A prevenção da hepatite D ocorre da mesma forma que a prevenção da hepatite B.

  • Relações sexuais com camisinha;
  • Controle dos bancos de sangue;
  • Vacinação;
  • Uso de imunoglobulina;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como escova de dente, aparelho de depilar ou barbear, alicates de unha, seringas.

Não podemos nos esquecer de que a automedicação pode causar sérios riscos e danos à saúde.


Paula Louredo
Graduada em Biologia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

MORAES, Paula Louredo. "Hepatite D"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/doencas/hepatite-d.htm>. Acesso em 23 de outubro de 2017.

O figado com cirrose apresenta-se cheio de nódulos
Doenças e patologias Cirrose
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA