Topo
pesquisar

Terremotos no Brasil

Geografia do Brasil

Mesmo se localizando ao centro da placa sul-americana, o Brasil pode ser atingido por terremotos.
PUBLICIDADE

Os terremotos são fenômenos que podem ser causados por falhas geológicas, vulcanismos e, principalmente, pelo encontro de diferentes placas tectônicas. A maioria dos abalos sísmicos é provocada pela pressão aplicada em duas placas contrárias. Portanto, as regiões mais vulneráveis à ocorrência dos terremotos são aquelas próximas às bordas das placas tectônicas. Na América do Sul, os países mais atingidos por terremotos são o Chile, Peru e Equador, pois essas nações estão localizadas em uma zona de convergência entre as placas tectônicas de Nazca e a Sul-Americana.

O Brasil está situado no centro da placa Sul-Americana, que atinge até 200 quilômetros de espessura. Os sismos nessa localidade raramente possuem magnitude e intensidade elevadas. No entanto, existe a ocorrência de terremotos no território brasileiro, causados por desgastes na placa tectônica, promovendo possíveis falhas geológicas. Essas falhas, causadoras de abalos sísmicos, estão presentes em todo o território nacional, proporcionando terremotos de pequena magnitude; alguns deles são considerados imperceptíveis na superfície terrestre.

Segundo o Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (USP), no século XX foram registradas mais de uma centena de terremotos no país, com magnitudes que atingiram até 6,6 graus na escala Richter. Porém, a maior parte desses abalos não ultrapassou 4 graus.

Em 1955, no Mato Grosso, foi detectado um terremoto de 6,6 graus na escala Richter. Nesse mesmo ano, o Espírito Santo foi atingido por um abalo sísmico de 6,3 graus e, no Ceará, foi registrado um terremoto de 5,2 graus na escala Richter, em 1980.
O estado do Amazonas, em 1983, sofreu com um terremoto de 5,5 graus, entretanto, pelo fato de esses terremotos terem atingido áreas com pouca concentração populacional, não houve danos materiais e nem vítimas.

João Câmara, município do Rio Grande do Norte e habitado por 31.518 pessoas, foi atingido por uma série de terremotos na década de 1980. O mais grave deles ocorreu no dia 30 de novembro de 1986, quando a cidade tremeu com um abalo sísmico de 5,1 graus na escala Richter, provocando a destruição de 4 mil imóveis.

Em Minas Gerais, no município de Itacarambi, um terremoto de 4,9 graus promoveu um tremor que durou aproximadamente 20 segundos, tempo suficiente para derrubar 6 casas e abalar a estrutura de outras 60 residências. Nessa ocasião, uma criança de cinco anos morreu soterrada nos escombros de uma das casas atingidas.

O último grande terremoto registrado no Brasil ocorreu no dia 22 de abril de 2008. Um tremor de 5,2 graus foi sentido nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo, embora não tenha sido registrado nenhum desabamento nem a ocorrência de vítimas.


Por Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FRANCISCO, Wagner De Cerqueria E. "Terremotos no Brasil "; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/brasil/terremotos-no-brasil.htm>. Acesso em 13 de fevereiro de 2016.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Jose Ricardo Janota Cyrnequinta-feira | 29/10/2015 20:07Hs
    Para que a população em geral não fique alarmada é bom saber que um terremoto é causado por uma força interna da terra, pressões internas que empurram as placas ou fendas mal consolidadas nessas placas tectônicas. Quando isso ocorre podemos falar em terremoto, mas quando o abalo ocorre devido a acomodações do subsolo, mesmo que fortes, o termo terremoto não seria adequado. No Brasil esses abalos em vários estados não são terremotos, são fortes o suficiente para derrubar casas, mas não são fruto dessa forte pressão interna do planeta que se forma no magma a dezenas de km abaixo dos nossos pés.
  • natansegunda-feira | 30/03/2015 12:52Hs
    eu li sobre o terremoto
  • Maria Vitóriasexta-feira | 27/02/2015 19:13Hs
    ótimo
  • nayarasexta-feira | 14/11/2014 21:07Hs
    nossa adorei Ass : Nayara
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA