Topo
pesquisar

Como recuperar a Mata Atlântica?

Geografia do Brasil

Atualmente, a Mata Atlântica conta com menos de 8% da sua área original. Qual são os procedimentos hoje existentes para a recuperação desse bioma?
PUBLICIDADE

Para realizar a recuperação da Mata Atlântica é necessário um bom planejamento e um trabalho que privilegie os resultados a longo prazo. Entretanto, é impossível falar de preservação sem combater as atividades e elementos que obstruem o crescimento da floresta, tal qual a realização de atividades agropecuárias próximas a locais de preservação, o avanço de pragas, entre outros.

A primeira e mais recomendável forma de recuperação da floresta é a prática da Regeneração Espontânea, por ser a maneira mais barata, limpa e prática. Como o próprio nome sugere, consiste em permitir que a própria floresta se recupere, sem a intervenção humana, através dos diversos meio de dispersão de sementes existentes na natureza, como a ação dos ventos, de pássaros e de insetos. Para isso, como já foi dito, é preciso interromper práticas e fenômenos que atrapalhem a regeneração ou que agridam direta ou indiretamente a vegetação.

Entretanto, nem sempre a Regeneração Espontânea é a maneira mais viável para se praticar a recuperação da floresta. Às vezes, ela não é possível e, às vezes, não é recomendável, sobretudo quando o número de espécies vegetais é limitado, pois a regeneração espontânea, nesse caso, proporcionaria uma menor diversidade, o que torna a floresta mais vulnerável.

Nesse caso, o procedimento mais recomendável é o Reflorestamento, que deve ser realizado, preferencialmente, com espécies nativas da região, mesmo aquelas que foram completamente retiradas da área da floresta e que se encontram apenas em outros locais. A vantagem desse procedimento é a rapidez com que os seus efeitos se concretizam, além da variabilidade genética proporcionada pela grande diversidade de espécies que se apresentarão.

Mesmo com todos os procedimentos existentes e com todos os avanços da ciência na área de regeneração de floresta, a recuperação da Mata Atlântica esbarra em inúmeros problemas, como os elevados custos e a disputas de muitas de suas terras.

Por esse motivo, foi criado o Pacto Florestal. Trata-se de uma iniciativa de alguns centros de pesquisas, aliados à iniciativa privada, a universidades públicas e a órgãos governamentais para acelerar o processo de preservação e recuperação da floresta da Mata Atlântica. O objetivo é recuperar 15 milhões de hectares até o ano de 2050.

Atualmente, a Mata Atlântica conta apenas como 7,91% da sua área original, sendo que mais de 80% da vegetação ainda existente encontra-se pulverizada em áreas com menos de 50 hectares.


Por Rodolfo Alves Pena
Graduado em Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PENA, Rodolfo F. Alves. "Como recuperar a Mata Atlântica?"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/brasil/como-recuperar-mata-atlantica.htm>. Acesso em 30 de julho de 2016.

Imagem do Cerrado que corresponde à vegetação brasileira mais rica em biodiversidade
Geografia do Brasil Tipos de Vegetação
Aspecto da Mata Atlântica
Geografia do Brasil Mata Atlântica
Um ecossistema limitado a reservas ambientais
Biologia Mata Atlântica
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA